SEGURANÇA - “palavra de ordem” no mundo dos Negócios



E isto é fato, por dois motivos naturais e mais do que atuais:

1.   Uma Lei que é “umas das maiores” preocupações atuais no Brasil – LGPD
2.   Tudo, todas informações que é de cada um, está na Nuvem, leve e solto, e a LGPD vai responsabilizar.
A LGPD está tirando o sono de muita gente, gente grande e gente menor. LGPD ou LGPDP, tanto faz aqui, como GPDR (Europa) ou RGPD (Portugal) movimentam muito o mundo dos negócios.
Eu poderia afirmar que, ELA  é o BUG DO MILÊNIO do começo do Século 21, com uma ressalva – o Bug do Milênio não tinha legisladores por trás dele, nem divinos, nem humanos. E aí está o Perigo. 
Também posso afirmar que muita água passará ainda debaixo desta PONTE, mas isto falaremos futuramente.

Um dos pontos básicos da LGPD é a punição às empresas que comprovadamente não protegerem os dados pessoais de titulares envolvidos nos processos do negócio (clientes, fornecedores, colaboradores, etc). 


Dados pessoais incluem: nome, RG, CPF, data de nascimento, cartões de crédito, contas bancárias, endereço, número de IP, dados de localização, entre outros.


Organizações que não se adaptarem, não buscarem evitar ataques, invasões, roubo de senhas e desses dados terão sérias dificuldades e multas pela nova Lei. 

COMPORTAMENTO e temores


Roubo de senhas: 76%
Fraude bancária: 75%
Ataque hacker ou vírus: 69%
Segurança nas compras online: 65%
    Lembrando que Todos esse temores, e dores, tem DIRETO envolvimento nas empresas com a nova LGPD.
E na empresa onde você trabalha como isto é ESTÁ SENDO tratado? 
As senhas tem algum tratamento ou política de segurança? 
Há proteção contra fraudes, vazamentos de dados, mesmo e ainda as de forma física? 

Por conta de vários comportamentos indevidos, falhas de controle e de políticas mal definidas, eu arrisco afirmar que mais de dois terços das empresas NÃO irá se adaptar totalmente à nova lei no tempo exigido. 


ALGUMAS FALHAS 

Sempre ouvimos os mais variados conselhos sobre a necessidade de sermos prudentes e adotarmos hábitos mais seguros na hora de lidar com o mundo online. 
No entanto, esta lei veio balançar as estruturas dos negócios, em minha opinião, porque de fato, nunca houve forte preocupação com proteção. 
Todo esse alarde ocorre principalmente por termos uma infinidade de dados pessoais potencialmente prejudiciais, armazenados nos mais variados serviços, desde pessoais até financeiros e bancários, e nós nunca nos preparamos devidamente para o “suspeito” que poderia entrar a qualquer momento pela janela, ou mesmo pela "porta de entrada".

Certamente, muito terá que, e deverá, mudar. 

Vazamentos ou incidentes de segurança que tornem públicos ou disponíveis os dados pessoais de seus titulares deverão ser relatados, o mais rápido, dentro da definição em lei, às autoridades federais, bem como aos titulares que tiveram seus dados vazados.

E os prejuízos virão, como vem ocorrendo em terras da Europa, onde mais da metade ainda não conseguiu entender e se adaptar ao inevitável. 


E antes que desavisados lamurientos comecem a chorar suas reclamações - me desculpe, mas o erro não é da Lei, nem do Estado, e Você sabe bem onde está o ERRO. 


Evolução e Inovação 

Uma pausa emotiva - eu estava aqui revendo e ajustando este texto que vocês leem, e tive que reiniciar meu notebook. 
Enquanto eu esperava, me veio à memória o primeiro Windows, aquela tela escura de fontes verdes fosforescentes, muito antes de se imaginar haver um dia a Internet, e com ela os problemas de segurança. rss 
Em alguns segundos e depois minutos, enquanto eu esperava, me veio a lembrança do "Lotus 1,2,3" e o quanto isto me entusiasmava na tecnologia, e num salto, como estamos hoje, tendo revisto, em minha memória, os avanços, que consegui lembrar na minha idade sexagenária, e como bonito é isto tudo. 

E me situei no exato ponto em que me encontro agora: como um rapaz jovem, ainda consigo me maravilhar com a evolução e inovação humana
Por tudo e também pelas soluções que tenho em mãos, e nesta que represento e, representa a meu ver, o grande salto na segurança de dados, na genialidade e simplicidade que foi composta e perfaz uma das mais bonitas, precisas e complexas SOLUÇÕES para auxiliar a Humanidade

Mas me diga, a sua empresa já está com todos os processos de tratamento de dados resguardados? Leia, releia, reflita e querendo falar sobre o tema, pode me procurar. 



Pesquisas deste ano no Brasil indicam que cerca de 9 milhões de Pessoas já sofreram ou conhecem alguém que tenha passado por uma ameaça cibernética, seja invasão ou phishing.
Por isso, a sensação de insegurança também reflete nas ações e processos de negócios. Veja em seguida os principais temores de golpes na internet:
E trazendo para a esfera individual de cada um de nós: quem já não passou por este temor ou dor? De ter algo seu, dado pessoal ou algo físico, roubado, desviado, trazendo grande dor de cabeça.
Para quem não consegue ter empatia, se colocar no lugar do outro: saiba que sócios, diretores, o responsável pelo tratamento dos dados pessoais coletados pela empresa que trabalha - todos esses estarão enquanto pessoa física respondendo legalmente por incidentes que sejam punidos pela LGPD.
Já recebi, de mão beijada, de empresas de TI, e-mails de todos os clientes dela. Por um funcionário desavisado e mal treinado envia-los fora do campo correto de CCO, que deveria oculta-los, e tenho ainda o e-mail guardado. Isto não escapará em ações amparadas pela Lei.
Também vi em vários clientes, folhas de “rascunhos” com dados pessoais, e-mails, dados financeiros de clientes, dados bancários, de modo totalmente irrefletido internamente nas empresas. 
Política ZERO de segurança de dados.
Listas e listas de dados disponíveis para qualquer um ter acesso e fazer o que quiser. Uma economia em papel que refletirá negativamente pela nova Lei.


Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem
E a maioria absoluta das empresas já acreditam que esses dados que "estariam" sob sua proteção já estão sendo vendidos na DEEP WEB.
Alarmante...
Você gostaria de uma análise e avaliação de como está a sua percepção de aderência da nova lei ao seu negócio?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Na Mosca !! O Melhor modo de investir com baixo risco e alta certeza.

EMPREENDER - Expectativa vs Realidade

Investindo em novos mercados